Museu do Cartão de Crédito

28/08/2019 - Cartão de Méliuz e Pan atrai cliente de banco digital

« Voltar

VALOR 

Por: Álvaro Campos

Em quase cinco meses, a plataforma de “cashback” Méliuz recebeu quase 200 mil pedidos de clientes para obter o cartão de crédito lançado em parceria com o Banco Pan. A companhia não revela quantos cartões de fato foram emitidos, mas diz que a aceitação foi muito positiva e que o projeto deve ganhar escala de verdade no próximo ano.

O acordo do Méliuz com o Pan prevê exclusividade na área de cartões. O diretor operacional da empresa, Lucas Marques, diz que, como acontece com muitas startups, o novo produto vem sendo liberado aos poucos, para que possam ser feitas melhorias ao longo do processo, e que não há uma meta de emissão de cartões. “Uma das coisas mais caras é adquirir usuário. Se você lança um produto e gera uma experiência ruim, ele vai embora e não volta mais.” O Pan tem cerca de 4 milhões de clientes, enquanto os usuários do Méliuz chegam perto de 8 milhões.

Segundo Marques, a iniciativa de buscar a parceria de um banco surgiu do desejo do Méliuz de tornar ainda mais fácil e abrangente o benefício do cashback — a devolução, em dinheiro, de parte do valor das compras realizadas pelos clientes. “A gente já tem parceria com mais de 2 mil estabelecimentos físicos e on-line, mas queríamos expandir o cashback o máximo possível, possibilitar que a pessoa pudesse obter esse benefício até com o cachorro-quente que compra depois da balada”, explica.

Antes de fechar a parceria com o Pan, o Méliuz fez contato com vários bancos e inclusive outras fintechs. “A gente sempre acreditou nessa vertical ‘financeira’, mas os resultados têm sido melhores do que esperávamos. A ideia é ir aos poucos oferecendo serviços financeiros complementares, sempre em conjunto com algum banco parceiro.”

Ele diz que a companhia pode até considerar, no futuro, se tornar uma instituição de pagamento, mas que no momento prefere trabalhar como parceira de outras instituições financeiras. “A gente não quer ser um banco, queremos usar nossa tecnologia e nossa base de dados para ajudar os bancos a melhorarem sua relação com os clientes.”

Quando lançou o cartão de crédito, o Méliuz acreditava que atrairia usuários de bancos tradicionais, mas agora já observou um movimento importante de migração de clientes de bancos digitais. Marques explica que o grande atrativo é a simplicidade e transparência do cashback, em um cartão sem anuidade, com a bandeira Mastercard.

O Méliuz (do latim “melius”, melhor) foi fundada em 2011, em Belo Horizonte (MG), por Israel Samlen e Ofli Guimarães, motivados pela insatisfação com os programas de benefícios tradicionais.

 

Preencha os campos ao lado e receba nossas notícias:

Rua Visconde do Rio Branco, 1488 - 18º andar – Centro – Curitiba/PR

© 2012 Museu do Cartão - Todos os direitos reservados - Powered By Totalize Internet Studio