Museu do Cartão de Crédito

04/11/2014 - Para associação, novos acordos virão em breve

« Voltar

Por Felipe Marques | De São Paulo | Valor Econômico

Os acordos que serão anunciados hoje para o fim das restrições de captura que Cielo e Rede tinham para algumas bandeiras são apenas o começo de um processo de negociação que seguirá nos próximos meses. Credenciadoras menores e bandeiras regionais - como a Banricompras, do Banrisul - negociam também a assinatura de acordo deste tipo.

A expectativa de Marcelo Noronha, presidente da associação do setor (Abecs), é que novos acordos sejam anunciados nos próximos meses. Segundo ele, a associação estimulou as bandeiras para que procurassem as empresas novatas no Brasil na captura de pagamentos no varejo, no sentido de ampliar a aceitação. "Algumas empresas têm dificuldades operacionais e vão começar a abertura só no ano que vem", diz, sem citar envolvidos nos acordos.

O trio Elo, Hiper e Amex, por exemplo, precisará também firmar acordos de aceitação com os novos entrantes do setor de captura de cartão, que começaram a operar no Brasil após a abertura de 2010. São nomes como Santander GetNet, Banrisul, Elavon (parceira do Citi), Global Payments (parceira do Banco de Brasília), First Data (aliada ao Bancoob) e Stone (de Banco Pan e BTG).

Outra abertura negociada é a da bandeira Banricompras, que pertence ao Banrisul, apurou o Valor. A Banricompras tem cerca de 1% do mercado brasileiro, concentrado no Rio Grande do Sul. Os vales alimentação e refeição (vouchers) também tendem a ser aceitos em mais lojistas. Atualmente, os vouchers da Alelo passam apenas em terminais Cielo, e os da Ticket, na Rede.

Preencha os campos ao lado e receba nossas notícias:

Rua Visconde do Rio Branco, 1488 - 18º andar – Centro – Curitiba/PR

© 2012 Museu do Cartão - Todos os direitos reservados - Powered By Totalize Internet Studio